30 frases de Eça de Queiroz para se aprofundar na literatura lusitana

Autor de O Primo Basílio e O Crime do Padre Amaro, Eça de Queiroz é considerado um dos autores referências do Realismo português do século XIX. Suas obras falam sobre a sociedade portuguesa da época, com forte crítica a certas condutas e hipocrisias sociais. Quer conhecer mais desse grande escritor? Então, leia essas frases de Eça de Queiroz!

Frases de Eça de Queiroz para conhecer o autor português tão aclamado

É o comer que faz a fome.

É o comer que faz a fome.

Não tenha medo de pensar diferente dos outros, tenha medo de pensar igual e descobrir que todos estão errados.

Publicidade

Céu e inferno são concepções para uso da plebe.

Quem não conhece o poder da oração, é porque não viveu as amarguras da vida!

Quem não conhece o poder da oração, é porque não viveu as amarguras da vida!

O coração é ordinariamente um termo de que nos servimos, por decência, para designar outro órgão.

O pessimismo é excelente para os inertes, porque lhes atenua o desgracioso delito da inércia.

O amor é essencialmente perecível, e na hora em que nasce começa a morrer. Só os começos são bons.

O amor é essencialmente perecível, e na hora em que nasce começa a morrer. Só os começos são bons.

Os políticos e as fraldas são semelhantes, possuem o mesmo conteúdo.

Que mérito há em amar os que nos amam?

Publicidade
É o coração que faz o caráter.

É o coração que faz o caráter.

Curiosidade: instinto que leva alguns a olhar pelo buraco da fechadura, e outros a descobrir a América.

Quando não se tem aquilo que se gosta é necessário gostar-se daquilo que se tem.

O meu espírito crítico é grosso, só apanha as coisas de enorme relevo.

O meu espírito crítico é grosso, só apanha as coisas de enorme relevo.

Publicidade

Na arte, a indisciplina dos novos, a sua rebelde força de resistência às correntes da tradição, é indispensável para a revivescência da invenção e do poder criativo, e para a originalidade artística.

A todo viver corresponde um sofrer.

Nos amores deste mundo, desde Eva, há sempre um que ama e outro que se deixa amar.

Nos amores deste mundo, desde Eva, há sempre um que ama e outro que se deixa amar.

A separação (temporária) tem isto de bom - que põe em relevo e torna interessantes mil pequenas coisas da vida daqueles que amamos - que até aí, todos os dias vistas, quase se não percebiam.

Homem, que fizeste tu da alma?

Com o fisco, paga-se sempre e nunca se questiona, porque naturalmente depois é-se obrigado a pagar mais.

Com o fisco, paga-se sempre e nunca se questiona, porque naturalmente depois é-se obrigado a pagar mais.

Nestas Democracias industriais e materialistas, furiosamente empenhadas na luta pelo pão egoísta, as almas cada dia se tornam mais secas e menos capazes de piedade.

Publicidade

Chorai! Chorai, enquanto a mim, a dor sufoca-me!

Duas folhas de carta a ler já é uma boa conta, mesmo quando seja uma carta de amor.

Duas folhas de carta a ler já é uma boa conta, mesmo quando seja uma carta de amor.

Os sentimentos mais genuinamente humanos logo se desumanizam na cidade.

Não haveria o direito de vencer se não houvesse o direito de perdoar.

Não pode haver ligação de almas onde não exista identidade de ideias, de crenças e de costumes.

Não pode haver ligação de almas onde não exista identidade de ideias, de crenças e de costumes.

Nada há de mais ruidoso - e que mais vivamente se saracoteie com um brilho de lantejoulas - do que a política.

Não há nada novo sob o Sol, e a eterna repetição das coisas é a eterna repetição dos males. Quanto mais se sabe mais se pena. E o justo como o perverso, nascidos do pó, em pó se tornam.

Estou tagarelando muito. Acontece-me isto sempre que estou consideravelmente estúpido.

Estou tagarelando muito. Acontece-me isto sempre que estou consideravelmente estúpido.

A alma modela a face, como o sopro do antigo oleiro modelava o vaso fino.

A arte, para os que não se enclausuraram todos nela como nos muros de um mosteiro, poetiza singularmente a existência.

Livros clássicos são uma ótima maneira de compreender a história! Para conhecer mais do contexto brasileiro do século XIX, leia essas frases de Machado de Assis, grande nome da literatura nacional.


 

Escrevo textos, leio uns livros e conto tudo para as minhas gatas.

 

Gostou dessas frases? Compartilhe!